sábado, 30 de julho de 2016

JURO QUE PRECISO

Juro! Me esforcei
"Eu sou mais eu"
Que tolo fui. Que tolo sou.
Para quê ligação que poderia ser desligada?

Não consegui.
Desliguei de não querer desligar.
Cabisbaixo, decaído na altivez decaída
Reconheci que preciso de outros

Preciso, principalmente, de outra.
Preciso do seu colo
Preciso como outrora
Preciso ardentemente dela...

Nenhum comentário:

Postar um comentário