quarta-feira, 26 de novembro de 2014

DESCULPEM, MAS BELEZA É FUNDAMENTAL

O visual tem relação com a saúde. Tanto que parte do diagnóstico feito por um médico e o olhar clínico de nossas mães baseiam-se na aparência. Nossos estados febris manifestam-se imediatamente, por exemplo. A postura, massa ou tônus muscular, a prática de esportes, enfim, manifestações externas de nossa condição de estar apto para a procriação, base instintiva, animal e basilar à existência. Afinal, tanto saúde, quanto doença são transmitidos aos descendentes por várias gerações.

Além do exemplo do Pavão, dentre tantos animais que usam a aparência, há os que travam lutas pela fêmea. Os chifres e cornos maiores, de bovinos e ovinos respectivamente, são dos machos mais saudáveis e, portanto, melhores geneticamente. É uma forma natural de seleção feita pela fêmea. Ela faz a escolha e se submete ao vencedor dentre os machos. Outro exemplo, a juba do Leão demonstra sua melhor condição genética, sua saúde e até sua virilidade. Os leões menos fortes tem juba menor, mais rala.

Então, nosso apego a beleza não foge ao instinto, mas o reflete. Somos igualmente animais neste particular. E beleza é proporção e simetria, basicamente. Quem fala negativamente do nosso apego à aparência é um péssimo observador das nossas humanidades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário