quinta-feira, 14 de julho de 2016

MORAL E FÉ

A moral é relativa. Negar isso é negar as muitas culturas, cada uma com seu entendimento sobre o certo e errado, suas leis e costumes. Mas haveria uma moral superior, transcendente, uma pela qual todos, em qualquer tempo e local, poderiam seguir?

Os religiosos tem a moral como absoluta - a sua. Cada um com sua moral absoluta e divergente dentro da própria fé que possui. Ao apontar para o seu Deus, como fonte moral e ética, o religioso aponta para o vazio. Afinal, de que entendimento sobre Deus fala? Da sua concepção pessoal. Conforme o Deus é a moral. Conforme entende o Deus de sua fé, é a moral. Senão vejamos.

Não há moral única dentro de qualquer concepção de fé em Deus. Lamentavelmente não admitem isso ou, nas mais das vezes, cada um atribui ao outro a divergência recorrente. Ora, e não é que estejam errados. Seus fundamentos são parcos, não tratam das muitas variações dos nossos problemas e muito menos apontam em direções claras. Não está nas pessoas a origem das muitas divergências morais afetas à religião, seja qual for. Os exemplos são muito claros entre sunitas e xiitas, entre pentecostais e ortodoxos.

A suma da discussão é que nossa moral é influenciada de várias maneiras. A religião é uma das mais importantes. Contudo, ela também sofre influências. Haja visto a relação com pecados que se vê. Um exemplo é a televisão que, apenas por ser vista, não importando o conteúdo do que era visto, trouxe punições severas a crentes dentro da Assembléia de Deus. Essa mesma Igreja passou a usar este meio de comunicação para seu proselitismo. Enfim, até a tecnologia trouxe sua contribuição.

Não vejo como possa haver uma moral acima da nossa. E não há de fato, mesmo que haja quem aponte para UMA sem, ao menos, retirar todas as possibilidades de sua aplicação. É uma, genericamente, e, na vida, muitas.

PS.: Não confunda moral e ética, que também é relativa. Moral é a ética aplicada. Ética é a concepção social do que é certo ou errado. Todos temos moral, mesmo um criminoso a possui, pois é como vivemos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário