quinta-feira, 8 de setembro de 2016

UM POUCO DE SABEDORIA FAZ BEM

Li isto dia desses:


Pessoas brilhantes falam sobre ideias. 
Pessoas medíocres falam sobre coisas.
Pessoas pequenas falam sobre outras pessoas.


Para mim, se posso pretender ter um pouco de sabedoria, os sábios falam de tudo. Nada nesta nossa vã existência, está dissociado. Falar de coisas é falar de pessoas, as que as fazem e as que as usam. Falar de pessoas é observar comportamentos que são fruto ou geram ideias. As ideias, da mesma forma, advém das relações, inclusive com coisas.

Para mim essas tentativas de menosprezo ao ''falar de pessoas'' é duplamente burro. Primeiro, é intrínseco à nossa existência e, segundo, me dá a impressão de quem escreve dessas tem a ilusão de que não faz exatamente o que todos fazem: fofoca. Daí vê-se que a situação do tal é ainda pior de quem admite suas atitudes. Franqueza consigo mesmo é um bom começo para a sabedoria.

E pra não passar em branco, sem dar exemplos, vou logo no que pega na intimidade, o uso ou não de ''brinquedinhos sexuais''. Você já parou pra pensar na relação coisas/pessoas/ideias que isso enseja? Então pense!

Nenhum comentário:

Postar um comentário